Joel Engel apresenta visão Tabernáculo de Davi para o Presidente

Líder evangélico participou de Simpósio da Cidadania Cristã com centenas de outros líderes.

FONTE: Ministério Engel

ATUALIZADO: 12 de outubro de 2021

FacebookTwitterWhatsApp

Aconteceu em Brasília, no dia 5 de outubro, o Simpósio Cidadania Cristã com a participação do presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, centenas de líderes evangélicos de todo o país e alguns ministros de Estado. Na ocasião, o Apóstolo Joel Engel apresentou o seu livro Tabernáculo de Davi para os integrantes do governo e para os pastores presentes.

O Apóstolo teve a oportunidade de falar sobre sua visão de orações ininterruptas, 24 horas por dia, durante os sete dias da semana, lembrando aos participantes sobre o poder da intercessão para os avanços que o país necessita. Este movimento tem como base o governo bíblico de Davi, um dos reis mais notáveis de Israel. Ele tinha intercessores 24 horas por dia, orando pelo seu governo, o que resultou naquilo que muitos conhecem como os “40 anos dourados”, devido às bênçãos alcançadas por aquele povo.

Imagem: Cazuo Phography

Durante a reunião no dia do Simpósio da Cidadania Cristã, Joel Engel apresentou a proposta para que todos os pastores ali presentes orassem pela nação e dessem cobertura de oração 24 horas ao presidente, bem como a todos os ministros e autoridades, para que o seu governo seja de sucesso, como foi o de Davi. Todos os pastores concordaram e oraram em prol de que as Igrejas de todos os Estados representados assumam esse compromisso.

Imagem: Cazuo Phography

Além disso, o Apóstolo orou pelo ministro da Educação, Milton Ribeiro, falando sobre a importância estratégica do ministro na Educação. O Apóstolo Joel Engel também abençoou o trabalho do ministro, juntamente com os demais líderes evangélicos que estiveram no Simpósio. Antes de orar pelo ministro, leu a palavra de Deus que está em 1 Timóteo 2: 1 – 7 .

O Apóstolo Joel Engel também teve a oportunidade de apresentar para o presidente da República sua visão sobre a oração 24/7, entregando para Jair Bolsonaro seu livro Tabernáculo de Davi.

livro Tabernáculo de Davi.

“Nosso ministério juntamente com muitos outros líderes já oramos neste modelo de oração 24/7, mas a partir de agora vamos trabalhar para levantar pastores com seus ministérios para que orem 24 horas por dia pelo Brasil, pelo governo, pelo Presidente e sua família”, detalhou  Engel.

Bolsonaro apoiou o projeto e o Apóstolo explicou sobre a necessidade de reunir as igrejas para apoiar o governo com oração no modelo do Tabernáculo de Davi conforme está escrito no livro de Amós 9: 11: “Naquele dia, levantarei o tabernáculo caído de Davi, repararei as suas brechas; e, levantando-o das suas ruínas, restaurá-lo-ei como fora nos dias da antiguidade.”

“Essa profecia de que Deus vai levantar o Tabernáculo de Davi nos últimos dias já está acontecendo no Brasil”, enfatizou Engel.

O Apóstolo lembrou que no ano de 2000, Deus mostrou os mantos que estavam vindo sobre o Brasil. Um deles seria o apostólico profético, onde os apóstolos profetas iriam ungir os novos governos a partir daquele ano; depois, Deus levantaria Governos justos que tementes ao Senhor; logo após, a moeda e a economia seriam abençoadas. Quando isto começasse a acontecer então, uma nova geração de profetas seria levantada e ungida como Eliseu, que recebeu porção dobrada da Unção de Elias.

“Isto já está acontecendo no Brasil, por isso precisamos fortalecer as casas de oração 24/7 em nossa nação para que venha o avivamento tão esperado”, reforçou Engel.

O dever de orar por nossas autoridades:

Em 1° Tm 2: 1 – 7 a palavra nos ordena a orar pelas autoridades para termos uma vida sossegada e para que todos cheguem ao pleno conhecimento da verdade e creia em Jesus como único Senhor e Salvador.

“Bolsonaro nasceu de novo naquele hospital, quando recebeu o golpe de faca. Antes disso já estávamos há 9 dias orando e ofertando pelos rumos das eleições brasileiras. Foi assim que tivemos a confirmação da parte do Senhor que Bolsonaro era o escolhido”, disse Engel, explicando ao Presidente como Deus o levantou. “Hoje temos a honra de ter o primeiro presidente que fala de Jesus para toda a nação. Foi por isso que ele nasceu de novo e Deus o tirou do leito de morte. Assim, devemos orar para que todos cheguem ao pleno conhecimento de Jesus e é isso o que queremos para o Brasil”, completou Joel Engel.

Imagem: Cazuo Phography

Também, em nome do CAB, foi entregue ao presidente uma caixa contendo todas as moedas e notas do Real, profetizando o estabelecimento de uma economia forte. A pastora Mara Engel também entregou ao presidente o seu livro, O Valor da Mulher, para que fosse entregue à primeira-dama, Michelle Bolsonaro.

Além do presidente da República, participaram do encontro na Igreja Batista Central de Brasília os ministros Milton Ribeiro (Educação), Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos), Onyx Lorenzoni (Trabalho), Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) e Flávia Arruda (Secretaria de Governo).

O Simpósio aconteceu na Igreja Batista Central de Brasília e teve como Coordenador Nacional o Pastor Josué Valandro que também é pastor da primeira dama, Michele Bolsonaro. A realização foi do Concepab (Conselho Nacional dos Conselhos de Pastores do Brasil), liderado pelo Bispo Robson Rodovalho (Sara Nossa Terra) e Fenasp (Fórum Evangélico Nacional de Ação Social e Política), presidida pelo Bispo Valderi Alves. O Movimento Acorda, cuja Coordenação Nacional está com o Pastor Wilton Acosta, também apoiou o encontro.

Imagem: Cazuo Phography

Dentre os mais de 800 Pastores e líderes presentes, estavam o Bispo Cirino Ferro, Presidente do Conselho do Paraná; Pastor Ronaldo Batista PIB de Campo Grande; Apóstolo Saito de São Paulo; Apóstolo Walter Cristie do Rio de Janeiro; Pastor Pedro do Recife; Apóstolos Fábio e Cláudia Abude da Igreja El-Shadai de São Paulo; Apóstolo Washington de São Paulo; Pastor Domício e Bispo Tonetti de Campo Grande, o Apóstolo Ricardo Wagner, Apóstolo Paulo de Tarso, Ap Sinomar Silveira e Ap Joel Engel representantes do CAB – Conselho Apostólico Brasileiro;

Imagem: Cazuo Phography

Para o coordenador nacional do Movimento Acorda, o Pastor Wilton Acosta, o evento foi extremamente importante para o reconhecimento do Corpo de Cristo como uma peça fundamental nas decisões dos rumos da nação: “Para mim o Simpósio foi um divisor de águas no seguimento da Igreja Evangélica Brasileira. O que nós vimos lá em Brasília, com a presença do Presidente Bolsonaro, diversos ministros e líderes de diversos cantos do país, foi fruto da oração da Igreja, pois nós oramos por muito tempo, ajoelhados nas vigílias, para que isso acontecesse. Sinto-me privilegiado por estar vivendo esse momento. Agora nós precisamos manter firmes essa transição e avançar para que o Brasil reconheça a importância da Igreja, valorize o pensamento cristão e o papel da Igreja na sociedade, o quanto é importante a gente preservar os nossos valores. Nossa oração é que a gente promova essa unidade, para que a gente possa avançar por amor ao Brasil. Vamos continuar replicando o Simpósio pelos Estados, despertando a Igreja pois nós não podemos retroceder”, disse.

Também foi entregue ao presidente um documento elaborado pelos líderes, contendo reivindicações de acordo com a Palavra de Deus e ao mesmo tempo contrárias à realidade para onde o país está caminhando. Dentre os pedidos estão: a luta pela vida, contra o aborto, contra a ideologia de gênero, adoção da educação domiciliar via Ministério da Educação, a rejeição na educação pública e privada da introdução de ideologia de gênero, a colaboração das organizações religiosas face aos interesses públicos, a valorização da adoção tardia.

Essas e outras reivindicações que irão ditar o futuro da nação foram lidas durante o Simpósio e entregues em mãos ao presidente da república Jair Messias Bolsonaro, na presença de seis ministros do seu governo.

Imagem: Cazuo Phography

No final todos os pastores oraram pelo Presidente.
“Faltando apenas 1 ano para as eleições, abençoamos o nosso presidente e nos comprometemos em estar na brecha por ele, orando para que o nome de Jesus seja honrado e glorificado em nossa nação através da pregação do evangelho. O presidente tem escolhido ministros cristãos, servos de Deus o que mostra que está acontecendo em nossa nação um verdadeiro avivamento a começar pela política, seguindo o que Jesus nos mandou fazer: estabelecer o Reino de Deus nas nações”, finalizou Engel.

APELO AOS LÍDERES E PASTORES: VAMOS LEVANTAR O TABERNÁCULO DE DAVI EM NOSSA NAÇÃO.

Convido a todos para cumprirmos esta palavra que encontramos na Sagrada Escritura que nos ordena a ORAR pelas autoridades de nossa nação para que tenhamos Paz e Prosperidade em todos os sentidos.

Antes de tudo, pois, exorto que se use a prática de súplicas, orações, intercessões, ações de graças, em favor de todos os homens,  em favor dos reis e de todos os que se acham investidos de autoridade, para que vivamos vida tranquila e mansa, com toda piedade e respeito.  Isto é bom e aceitável diante de Deus, nosso Salvador,  o qual deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade. Porquanto há um só Deus e um só Mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem, o qual a si mesmo se deu em resgate por todos: testemunho que se deve prestar em tempos oportunos.  Para isto fui designado pregador e apóstolo (afirmo a verdade, não minto), mestre dos gentios na fé e na verdade.” 1 Timóteo 2:1-7

 Para mais informações, entre em contado pelo WhatsApp bit.ly/Clique-Aqui-e-Falem-Conosco

Adquira o Livro “Tabernáculo de Davi”, CLIQUE AQUI.

 

FacebookTwitterWhatsApp

COMENTÁRIOS