Mais do que “mulher de pastor”, somos Pastoras!

Mulheres participam ativamente do ministério pastoral e dividem responsabilidades com esposo.

FONTE: MINISTÉRIO ENGEL

ATUALIZADO: 4 de outubro de 2018

FacebookTwitterWhatsApp

Pela quinta vez na Escola Profética, o casal de pastores Aldo e Katia Rocha, não se cansam de estar em Santa Maria, em setembro. Para eles, se expor ao ambiente de glória, onde sentem que a Presença de Deus está, traz muito mais para as suas vidas:  “Tem sido diferente a cada ano e a gente tem crescido dentro do Ministério Casa de Oração. A cada ano que a gente vem, cria-se uma expectativa, que vem sendo suprida. Respeitamos a unção e temos feito filhos espirituais através do pastor Joel”, reconheceu o pastor Aldo.

Lado a lado com o marido, na liderança do Ministério Casa de Oração, ou na Escola Profética, sob a filiação do Profeta Engel, a pastora Kátia tem estado firme e forte em seu chamado, tal qual seu sobrenome já sugere. Para ela, esposa de pastor é Pastora, com “P” maiúsculo e tem que exercer seu ministério com sabedoria e maturidade. Assim, ela tem na Pastora Mara Engel, um grande exemplo: “Ver a pastora Mara dando suporte às Igrejas e ao Profeta, nos ensina muito. A forma como ela hoje consegue entender a ausência do Apóstolo, pois entende o ministério dele, me fez também liberar o meu marido, caso ele precise estar ausente. Eu sei que Deus vai estar comigo”, falou e completou: “Vejo a importância de toda a família sacerdotal e temos aprendido princípios desde a primeira Escola. A família sacerdotal tem sido moldada e cada vez mais firmada. Isso é para mim, como mulher, uma inspiração”.

FacebookTwitterWhatsApp

COMENTÁRIOS