• Facebook
  • Twitter
  • Rss
  • Plus
Ministério Engel

Quatro Fatos de Rosh Hashaná

Set 20
Avalie este item
(0 votos)

FELIZ VIDA NOVA

       Hoje inicia-se o novo ano (5778) em Israel, e o povo judeu no mundo todo comemoram com toques de Shofar danças e jantar festivo.

Em cada aniversário ou início de um novo ano representa um novo começo, começo de a cada dia viver uma vida diferente, começo de realizar os seus sonhos, começo de ser totalmente feliz e ou outros tantos começos.

Rosh Hashaná é o aniversário do universo, o dia em que Deus criou Adão e Eva de acordo com a tradição judaica, é uma celebração de grande importância. O início da festa se dará ao pôr do sol na véspera de 1º de Tishrei(20 de setembro de 2017) e termina após o anoitecer em 2de Tishrei (22 de setembro de 2017).

Primeiro Fato: Adão e Eva são criados

O Começo

A Bíblia institui que Rosh Hashaná, o início do ano, seja celebrado no aniversário da Criação, mas não no primeiro e sim, no sexto dia, o dia em que foi criado o Homem. O significado está no fato de que a nova criatura, o Homem, é essencialmente diferente das outras. Pois foi o homem que reconheceu o Criador.

Em 1º de Tishrei, o sexto dia da Criação, "Deus disse: 'Façamos o homem à Nossa imagem, à Nossa semelhança; e que ele tenha domínio sobre os peixes do mar, as aves do ar, e sobre o rebanho, e sobre toda a terra…'" (Gênesis 1:26). "Deus formou o homem do pó da terra, e soprou em suas narinas o sopro da vida; e o homem se tornou uma alma vivente" (Gênesis 2:7).

"E Deus pegou o homem e colocou-o no Jardim do Éden, para cuidar dele e mantê-lo" (Gênesis 2:15). 

Segundo Fato: Pecado e Arrependimento

Existe a possibilidade de vencer a morte

O homem cometeu o pecado, transgredindo o mandamento Divino de não comer da "Árvore do Conhecimento do Bem e do Mal". Adão e Eva foram banidos do Jardim, e a humanidade ficou sujeita à morte, trabalho e confusão moral. Porém o primeiro homem e a primeira mulher se arrependeram do pecado, introduzindo o conceito e a oportunidade de "retorno” na experiência humana. Um caminho de volta ao Pai.

Terceiro Fato: A terceira missão da pomba 

O recomeço da humanidade

No 1º dia de Tishrei, no 307º dia do Dilúvio, Noédespachou uma pomba da arca pela terceira vez. Quando a pomba não voltou, Noé soube que as águas do Dilúvio tinham baixado completamente. Naquele dia, Noé retirou o teto da arca, porém ele e sua família, e todos os animais, permaneceram na arca por mais 57 dias – até 27 de Cheshvan – quando a superfície da terra estava completamente seca e Deus ordenou a eles que deixassem a arca e se restabelecessem, para repovoar a terra.

Quarto Fato: Sacrifício de Isaque

O Cordeiro sacrificado nos levará ao Pai

O maior teste de fé para Abraão – ocorreu em 1º de Tishrei do ano 2084, quando amarrou Isaque em preparação ao sacrifício que Deus tinha ordenado. Esse fato é recordado em todo Rosh Hashaná com o toque do shofar (chifre de carneiro – um carneiro foi sacrificado no lugar de Isaque quando um anjo revelou que a ordem de sacrificar Isaque era apenas um teste Divino).

Cordeiro é sacrificado para que o filho viva.  Naquele dia Deus mudou o destino de Abraão liberando um novo decreto de vitoria para ele e sua descendência.  Novos decretos: De hoje até o dia de Yom Kipur Deus julga a humanidade e emite “decretos” que irão decidir o destino de cada ser humano no planeta. Nos temos o costume de buscarmos à Deus nestes 10 dias e apresentar nossos pedidos ao Senhor pedindo que Ele julgue nossa causa e nos seja favorável como foi com Abraão e sua descendência. 

Rosh Hashaná Sameach

Feliz Ano Novo Judaico 

Fonte: www.ministerioengel.com

Tagged sob quatro    Fatos    Rosh    Hashana    joel    engel   
Publicado em Gospel
Última modificação em Quarta, 20 Setembro 2017 21:17

Agenda de Eventos

Outubro 2017
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31