• Facebook
  • Twitter
  • Rss
  • Plus
Ministério Engel

Pastora relata avivamento em Ipatinga (MG): 'Na cidade só se fala disso, a presença de Deus ficou mais real'

Ago 10
Avalie este item
(0 votos)

Entre os dias 17 e 19 de julho, a cidade de Ipatinga, em Minas Gerais foi palco de um grande congresso de pregadores e de uma poderosa unção derramada por Deus. O 8º Seminário Ministros Labaredas de Fogo, organizado há 8 anos pelo Pastor Fernando Castro, líder da Igreja Evangelho Quadrangular de Ipatinga, foi um dos mais marcantes para o ministério.

Em entrevista ao Guiame nesta quarta-feira (5), a Pastora Márcia Perozini, que lidera a IEQ Ipatinga junto com seu marido, Castro, relatou que a unção diferenciada deste seminário se deu pela participação do Apóstolo Joel Engel. "Como diz o Salmo 126, ficamos como quem sonha. Cada vez que temos mais uma reunião com ele [Joel], acontece mais um mover de Deus. Está lindo, está gostoso, uma experiência linda de Deus. Várias vezes me pego chorando, agradecendo a oportunidade de viver tudo isso na presença de Deus", relatou.

Confira a entrevista completa com Márcia Perozini, relatando a obra de Deus na região de Ipatinga:

Guiame: O Seminário Labaredas de Fogo já é algo esperado pela Igreja há muitos anos. Na sua visão, qual foi a diferença dessa edição em comparação com as anteriores?

Márcia Perozini: Nós realizamos o Seminário Ministros Labaredas de Fogo há 8 anos. A cada ano, Deus tem nos surpreendido com um mover, uma direção. Às vezes, sem a gente combinar com pregador nenhum, as mensagens vão se ligando uma à outra, e permitem que nós tenhamos uma compreensão melhor do que Deus quer falar conosco e tratar na nossa região.

Guiame: Qual foi a principal mensagem que Deus direcionou para a Igreja neste seminário?

Márcia: Com a vinda do Joel, percebemos uma unção diferenciada. A chuva, que é um sinal que acompanha a unção dele, também o acompanhou. Choveu no dia que antecedia o seminário e também, após o término, veio chuva de Deus. Estamos impactados por tudo o que o Senhor fez no seminário.

Guiame: Porque o Ap. Joel Engel foi convidado para esta edição? Foi a primeira vez dele?

Márcia: Foi a primeira vez do Ap. Joel. Nós estávamos orando a Deus para que viesse uma pessoa que trouxesse essa unção do Espírito de Deus de forma bem presente para nós, no seminário. Então um pastor nosso trouxe o nome do Ap. Joel. Eu, particularmente, já tinha ouvido falar dele mais como escritor do que como avivalista, propriamente. Me interessei, fizemos o contato, Deus abençoou e ele veio. Foi algo sobrenatural. No dia seguinte, na cidade, só se falava disso. As pessoas encontravam com a gente na padaria, no supermercado, na porta da igreja, nas ruas, nos ligavam e mandavam mensagens dizendo que foi tremendo o que aconteceu no seminário.

Guiame: O que Joel Engel acrescentou à igreja em suas ministrações?

Márcia: Na vida do Ap. Joel é nítido perceber uma unção diferenciada. Nós achamos interessante que ele foi entrando dentro do auditório e foi mudando o unção do local. Começou a haver mais temor, as pessoas começaram a orar e chorar, houve uma mudança. Quando ele pediu para conversar com os pastores, primeiramente, já houve um grande mover na vida deles. Sinceramente, a maioria dos pastores não o conhecia, nem havia ouvido falar a respeito dele. Foi a graça de Deus sendo derramada. [Antes de sua vinda], nós pegamos os vídeos que ele mandou, colocamos no grupo de pastores e dizemos: "Olha, está vindo um avivalista de Deus". Quando ele entrou no auditório e foi para uma sala reservada, chamamos os pastores titulares e eles foram cheios do Espírito de Deus. Em seguida, ele foi para o palanque do auditório e começou a ministrar; o povo não deixava porque já começou um mover muito forte. Muitas pessoas foram embriagadas pelo Espírito Santo. Nós deveríamos terminar ao meio-dia, mas às 15h ainda haviam pessoas no auditório sendo embriagadas pelo Espírito de Deus. Foi extraordinário.

Guiame: Relate as experiências vividas pela igreja com a nova unção derramada por Deus.

Márcia: Hoje nós estávamos aqui conversando [com os pastores], compartilhando o que nós temos vivido e agregado à igreja de uma maneira geral. Primeiro, o nosso povo já é um povo de muito oração e muito quebrantado, mas isso se multiplicou por dez. Uma pessoa que antes orava, agora ora se derramando mesmo na presença de Deus. É muita unção. Somos de uma região simples, de pastores simples, mas pastores que sempre buscam viver uma vida com Deus. Mas parece que isso ficou mais nítido, a presença de Deus ficou mais real nas ruas e nas pessoas. Nós temos casos de irmãos que estavam dirigindo e começaram a falar em línguas estranhas; no meio de uma conversa começaram a sentir um mover de Deus e orar em línguas estranhas. Os cultos estão extremamente avivados. Somos 143 igrejas e congregações. Nelas, os cultos terminam com o povo no chão, chorando, e pessoas entregando a vida para Jesus. É isso que estamos vivendo aqui nesses dias com a presença do Joel Engel.

Ele ministrou sábado a noite para os jovens, e sobre eles caiu um poder tão grande que terminamos o culto, desligamos as luzes e eles não iam embora. Teve uma situação de dois adolescentes que foram embora andando, e cerca de duas quadras depois da igreja, caíram cada um para um lado. Duas senhoras da igreja viram a cena e diziam: "Coitados desses meninos, tão novinhos e bêbados desse jeito". Mas eles estavam saindo do culto. Uma delas providenciou um carro, porque eles não tinham condições de andar sozinhos para ir pra casa. Como diz o Salmo 126, ficamos como quem sonha. Cada vez que temos mais uma reunião com ele, acontece mais um mover de Deus. Está lindo, está gostoso, uma experiência linda de Deus. Várias vezes me pego chorando, agradecendo a oportunidade de viver tudo isso na presença de Deus.

Ontem nós tivemos uma reunião só com os superintendentes da nossa região. O profeta Joel chegou às 10h, começou a ministrar, ensinar e orientar até às 15h, quando nós saímos para almoçar. Ninguém arredou o pé, todo mundo ali estava querendo beber dessa unção e conhecer mais. Depois disso, a noite, fomos para mais uma reunião de avivamento na cidade de Coronel Fabriciano e o Ap. Joel ministrou de maneira muito abençoada. Depois dali fomos a um aniversário, que já se transformou em uma roda de oração, de mover de Deus. Eu sai de lá, porque já estava dando 1h da madrugada, o Ap. Joel estava caído no meio da roda, e o fogo estava descendo. É lindo demais o que Deus está fazendo!

Guiame: Você acredita que a IEQ tem vivido dias de avivamento depois deste seminário com Joel Engel?

Márcia: Nesses dias que o Joel está conosco, ele tem pregado uma mensagem que tem impactado muito a nossa igreja, quando ele fala do DNA Quadrangular. Quando ele diz sobre a nossa fundadora Aimee McPherson, sobre os quatro níveis de unção e quando prega a respeito dos símbolos da quadrangular: Jesus salva, batiza, cura e voltará, fazendo um paralelo com ganhar, consolidar, treinar e enviar. Tem sido realmente dias e momentos impactantes. A visão que ele tem a respeito do DNA Quadrangular é algo assim, extraordinário. Tem trazido uma alegria muito grande à nossa região e aos nossos pastores quando ele fala, verdadeiramente, daquilo que amamos e que é muito importante.

Fonte: Guiame, Luana Novaes

Tagged sob MG    joel    engel    avivamento    Ipatinga    Quadrangular    Fernando Castro    Márcia Perozini   
Publicado em Gospel
Última modificação em Terça, 11 Agosto 2015 13:42

Agenda de Eventos

Novembro 2017
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30